Processo de Adaptação e Mudança Estratégica na Estrutura Organizacional: um estudo de caso á luz da tipologia de Miles e Snow aplicado ao Porto de Itajaí.

Hilda Maria de Souza Rebello

Resumo


Este estudo teve como objetivo analisar o comportamento estratégico predominante nas decisões tomadas pelos gestores em uma organização portuária em resposta às mudanças causadas pelo ambiente externo. O ambiente organizacional portuário foi escolhido devido à relevância do segmento para a economia nacional, regional e local e, portanto, adequado para um estudo desta natureza. Para atender ao objetivo do estudo, realizou-se um estudo de caso único, qualitativo, de caráter exploratório e descritivo. Os dados foram coletados por meio de pesquisa documental e entrevista semiestruturada realizadas com o diretor executivo e com o superintendente do porto estudado. Com base na análise das respostas dos entrevistados, os resultados apontam que a adaptação ao ambiente está estreitamente relacionada com a forma como são tomadas as decisões e as estratégias adotadas pelos gestores, estando, portanto, alinhados à teoria desenvolvida por Miles e Snow Snow (1978). Para este estudo, a tipologia predominante para o problema empreendedor foi reativa, enquanto que para os problemas de engenharia e administrativos predominou a tipologia analítica.
Palavras-chave: Comportamento estratégico. Ambiente organizacional portuário. Adaptação estratégica.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.