IMPACTOS NEGATIVOS DA GLOBALIZAÇÃO NAS RELAÇÕES ENTRE AS PESSOAS

Denise Schmitt Siqueira Garcia, Mikaeli Horongozo, Priscila Portella Coutinho

Resumo


As relações consumeiristas tem sido objeto de discussões devido ao consumo exagerado, ocasionado pelo avanço da globalização, o qual vem atingido a sociedade de forma negativa, princialmente trazendo impactos de ordem psicológica.  Portanto, é de suma importância a discussão do tema, a fim de esclarecer aos cidadãos que a busca pela felicidade através do consumo, pode gerar diversas consequências para a saúde mental e até física. É notória a relevância do debate, com o intuito de evidenciar-se os impactos causados pela globalização nesse sentido, fazendo com que haja uma reflexão por parte do leitor, com o intuito de que sejam revistas suas atitudes na busca de satisfacao momentanea. Para a elaboracao da presente pesquisa, quanto à metodologia, foi utilizado o método indutivo na fase de investigacao, o método cartesiano na fase de tratamento de dados  e no relatório da pesquisa foi empregada a base indutiva.

Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, Lívia. M. P. N. Sociedade de consumo. 3ª edição. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2004. Kindle Edition.

BAUDRILLARD, Jean. A sociedade de consumo. Lisboa: Edições 70, 2007.

BAUMAN, Zygmunt. A sociedade individualizada: vidas contadas histórias vividas. Tradução de José Gradel. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2008.

BAUMAN, Zygmunt. Globalização - as consequências humanas. Tradução: Marcus Penchel – Rio de Janeiro: Zahar, 1999.

BAUMAN, Zygmunt. Vida Para Consumo: a transformação das pessoas em mercadoria. Tradução Carlos Alberto Medeiros. – Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2008.

GIDDENS, Anthony. Mundo em Descontrole: o que a globalização está fazendo de nós. Tradução de Maria Luiza X. de A. Borges. 6ª ed. – Rio de Janeiro: Record, 2007.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. 3. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 1999.

LATOUCHE, Serge. Hecho para tirar: la irracionalidade de la obsolescência programada. 1ª edición. Traducción del francês de Rosa Bertran Alcázar. - Barcelona: Ediciones Octaedro, 2004.

"Resumo - Revolução Industrial" em Só História. Virtuous Tecnologia da Informação, 2009-2018. Disponível em . Acesso em 13/10/2018 às 08h50min.

SANTOS, Boaventura de Souza (org). A globalização e as ciências sociais. 2ª ed. São Paulo: Cortez, 2002.

VOLPI, Alexandre. A história do consumo no Brasil. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.