Análise dos erros mais comuns de aprendizes de programação que utilizam a linguagem Python

Galileu Santos de Jesus, Jaine da Conceição Santos, Kleber Tarcísio Oliveira Santos, Alberto Costa Neto

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados de uma análise da base de dados dos usuários do juiz on-line The Huxley, ilustrando os erros em tempo de execução – que por usar um interpretador de Python também reporta os erros sintáticos – mais comuns cometidos pelos aprendizes de programação da linguagem de programação Python. Os resultados da análise da base apontam que existem 143 tipos de erros, distribuídos em 20 classes e que os erros mais comuns são de sintaxe inválida, quando o aluno faz o uso incorreto de alguns comandos, como if, for, while, input e print e esquece o token ’:’ do comando condicional if, declaração de variáveis, quando é feito o uso de uma variável que não foi definida anteriormente e erros de tipos, quando são realizadas operações com tipos diferentes de dados. Esta compilação de erros mais comuns é de suma importância para que os professores os enfatizem durante suas aulas introdutórias de programação, visto que ocorrem continuadamente.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.