ASPECTOS DESTACADOS DA TEORIA DO ESTADO DE HERMANN HELLER

Cesar Luiz Pasold

Resumo


A pesquisa, cujos resultados são aqui relatados, possui por Objeto identificar o núcleo da Teoria do Estado concebida por Hermann Heller. E os seus Objetivos, para tanto, são estes: (1) a descrição dos fundamentos e da concepção nuclear da referida Teoria por meio das categorias nucleares do pensamento helleriano, expresso
em duas obras de sua autoria; e (2) contribuir para a divulgação deste precioso material da epistemologia estatal de Heller, evidenciando a sua atualidade muito consistente.
Para buscar esse desiderato, realizou-se uma Pesquisa Científica, em cuja fase de investigação operou-se com o Método Dedutivo, eis que se partiu da premissa da existência efetiva de uma consistente Teoria de Estado proposta por Heller. Na fase de análise de dados, utilizou-se o Método Analítico. No relatório dos resultados, trabalhase com o Método Indutivo. As Técnicas utilizadas nas fases referidas foram: Técnica do Referente, da Categoria, do Conceito Operacional e da Pesquisa Bibliográfica.


Palavras-chave


Aspectos Destacados; Teoria do Estado; Hermann Heller

Texto completo:

PDF

Referências


BONAVIDES, Paulo. O Pioneirismo da Constituição Mexicana de 1917. In: https://archivos.juridicas.unam.mx/www/bjv/

libros/9/4430/6.pdf

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil-1988. In: http://www2.camara.leg.br/atividade-legislativa/

legislacao/Constituicoes _Brasileiras/constituicao1988.html

CARVALHO, Leandro. Socialismo Utópico. In: https://www.historiadomundo.com.br/idade-contemporanea/socialismoutopico.

htm

COMPARATO, Fábio. A Constituição Mexicana de 1917. In: http://www.dhnet.org.br/educar/redeedh/anthist/mex1917.

htm

CRUZ, Paulo Márcio; FARIA, Daniela Lopes; ITO, Christian Normitsu. A Necessária Evolução do Estado de Direito Social

Teorizado por Hermann Heller ao Estado de Direito Socioambiental Diante da Crise Ambiental na Sociedade de Riscos.

ANIMA: Revista Eletrônica do Curso de Direito das Faculdades OPET. Curitiba PR - Brasil. Ano VIII, nº 14, jan./jun. 2016.

ESTADOS UNIDOS MEXICANOS. CONSTITUCIÓN POLÍTICA DE LOS ESTADOS UNIDOS MEXICANOS. In: http://www.

ordenjuridico.gob.mx/Constitucion/cn16.pdf

FARIA, José Eduardo. Poder e Legitimidade. São Paulo: Perspectiva, 1978.

GRAU, Eros. A Ordem Econômica na Constituição de 1988. 19. ed. rev. atual. São Paulo: Malheiros, 2018.

HELLER, Hermann. Escritos Políticos. Tradução de Salvador Gómez de Arteche. Prólogo e Seleção de Antonio López Pina.

Madrid: Alianza Editorial, 1985.

HELLER, Hermann. Teoria do Estado. Tradução de Lycurgo Gomes da Motta. São Paulo: Mestre Jou,1968. Título original:

Staatslehre.

MYRDAL, Gunnar. O Estado do Futuro. Tradução de Affonso Blacheyre. Rio de Janeiro: Zahar,1980.Título Original: sem

menção no exemplar utilizado.

NIEMEYER, Gerhart. Prólogo. In: HELLER, Hermann. Teoria do Estado. Tradução de Lycurgo Gomes da Motta. São Paulo:

Mestre Jou,1968. Título original: Staatslehre. p.7 à p. 17.

NIEMEYER, Gerhart. Apêndice. In HELLER, Hermann. Teoria do Estado. Tradução de Lycurgo Gomes da Motta. São Paulo:

Mestre Jou, 1968. Título original : Staatslehre . p. 329 à p. 338

PASOLD, Cesar Luiz . Metodologia da Pesquisa Jurídica. Teoria e Prática. 14. ed. rev. atual. amp. Fpolis: EMais, 2018.

PASOLD, Cesar Luiz. Função Social do Estado Contemporâneo. 4. ed. rev. amp. Itajaí/SC: UNIVALI, 2013. E-book- gratuito:

http://siaiapp28.univali.br/LstFree.aspx.




DOI: https://doi.org/10.14210/nej.v25n3.p704-719

A NEJ está indexada nas seguintes bases de dados, que cooperam na divulgação do material: CAPES periódicos; LATINDEX; Base de dados da Rede Virtual de Bibliotecas Congresso Nacional - RVBI; IBICT; CrossRef - Digital Object Identifier Registration Agency of the International DOI Foundation; vLex; Google Acadêmico e REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico).