JUDICIALIZAÇÃO DA POLÍTICA E A PERCEPÇÃO DA MÍDIA IMPRESSA BRASILEIRA

Flávio Ramos, Samantha Buglione, Claudia Rosane Roesler

Resumo


A pesquisa centra-se na atenção da mídia para a chamada “judicialização da política” no período 2005-2009. O artigo apresenta a mídia como importante arena de debate envolvendo jornalistas, intelectuais, analistas políticos, articulistas, etc., sem fazer distinção entre esses destaques. Dessa forma, artigos assinados, análises políticas e reportagens convivem lado a lado no presente artigo, que tem como objetivo refletir a diversidade de opiniões e, principalmente, registrar o interesse da mídia impressa pelo debate envolvendo o ativismo judicial nestes últimos anos no Brasil. A pesquisa foi realizada tendo como referência principal três dos jornais brasileiros com maior circulação nacional. A escolha das colunas e análises registradas foi aleatória em função do número excessivo de matérias dedicadas ao assunto. Longe de contemplar a totalidade do que foi publicado, a intenção é registrar um fragmento do que foi veiculado na mídia impressa desde que o tema ganhou destaque, bem como apresentar algumas análises sobre o processo de judicialização da política desenvolvidas por cientistas sociais, anteriores a esse período. A proposta, portanto, é contribuir para a compreensão da “judicialização da política” por meio da análise deste objeto em um campo especifico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/nej.v14n3.p03-22