SUSTENTABILIDADE: RELAÇÃO ENTRE ESPAÇO URBANO E ENVELHECIMENTO ATIVO

Luzia Cristina Antoniossi Monteiro, Marisa Silvana Zazzetta, Miguel Etinger de Araujo Júnior

Resumo


O espaço urbano enfrenta o desafio de acolher de forma digna o exponencial número de idosos que as estatísticas apresentam para os próximos anos. Políticas públicas são imprescindíveis para promoção do envelhecimento ativo, garantia de sustentabilidade para cidadãos e cidades. O objetivo do trabalho foi demonstrar a relação entre envelhecimento populacional e espaço urbano sustentável. O estudo apresenta dois casos de participação de idosos na ressignificação do espaço urbano: Estratégia Cidade Amiga do Idoso (OMS) e Vila dos Idosos, aplicáveis em nível de cidades e em localidades, respectivamente. A metodologia consistiu em busca bibliográfica e investigação empírica na Vila dos Idosos. O espaço urbano sendo pensado a partir das novas necessidades e demandas geradas com o processo de envelhecimento e, incluindo a participação social, estará apto a promover o equilíbrio dinâmico entre as dimensões da sustentabilidade, tornando-se uma cidade para todas as idades.


Palavras-chave


Envelhecimento ativo. Sustentabilidade. Espaço urbano.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/nej.v20n1.p116-145