CAPACIDADE DE ABSORÇÃO E INOVAÇÃO EM EMPRESAS DE PEQUENO PORTE

Andréia Paternolli, Everton Luis Pellizzaro de Lorenzi Cancellier

Resumo


Neste estudo o objetivo foi analisar a capacidade de absorção de conhecimento de pequenas empresas para inovar em produtos e serviços. Uma forma de a empresa obter vantagem competitiva e garantir sustentabilidade é por meio da inovação, que por sua vez encontra na capacidade de absorção rotinas que facilitam a aquisição, a assimilação, a transformação e a explotação do conhecimento, dimensões sugeridas por Zahra e George (2002). A metodologia de pesquisa utilizada foi qualitativa com entrevistas semiestruturadas gravadas com os empreendedores e colaboradores das empresas. Os resultados demonstram que essas empresas buscam conhecimento no ambiente externo para aplicar em seu processo produtivo, demonstrando o uso das quatro dimensões propostas por Zahra e George (2002); e destacam a importância dos fatores complementares conhecimento prévio, eventos ativadores e integração social na capacidade de absorção das pequenas empresas estudadas.

Palavras-chave


Capacidade de absorção. Inovação. Pequenas empresas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/alcance.v24n1.p050-065

Direitos autorais 2017 Revista Alcance

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.