EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL PARA GRUPOS VULNERÁVEIS: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DAS VIVÊNCIAS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

Rosana Henn, Elisabeth Barth Almeida, Mariana Reiser Guedes, Alexandra Christiane Cabral dos Santos, Ana Paula Corteze Ott, Ana Júlia Vargas, Bruna Thais Pacheco, Camila Thaís Andrade, Franciele Aparecida de Souza da Cruz, Gabriela Maria Natividade, Gabriella Dallago, Letícia de Souza Pessoa

Resumo


A Educação Alimentar e Nutricional é um campo de conhecimento e de prática contínua e permanente, transdisciplinar, intersetorial e multiprofissional que visa promover a prática autônoma e voluntária de hábitos alimentares saudáveis. Este trabalho objetivou relatar as práticas de extensão realizadas com usuários de dois CRAS, um CCI e um CMU do município de Itajaí-SC, no decorrer do ano de 2017, considerando a percepção dos acadêmicos envolvidos e a participação dos usuários assistidos por um projeto de extensão. Todos os materiais utilizados nas oficinas foram previamente elaborados pelas extensionistas, sob orientação das professoras envolvidas no projeto. Foram abordados assuntos relacionados à alimentação saudável, consumo de açúcares, gorduras e alimentos industrializados, mitos e verdades sobre alimentação, sazonalidade das frutas e exposição solar, alimentação e hidratação no verão. As atividades realizadas permitiram, a todos os envolvidos, a troca de saberes. Ressalta-se a importância do envolvimento acadêmico em projetos de extensão, o que possibilita o contato direto com a comunidade, permitindo que os conteúdos abordados durante a graduação estejam vinculados com a prática.

 

 


Palavras-chave


Educação Alimentar e Nutricional; Educação em Saúde; Promoção da Saúde; Prevenção de Doenças; Relações Comunidade-Instituição.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/rbts.v5n1.p59-68

Apontamentos

  • Não há apontamentos.