O “outro” na sala de aula: O cinema no ensino da história e cultura afro-brasileira na educação escolar

Delton Aparecido Felipe, Teresa Kazuko Teruya

Resumo


A aprovação da Lei 10.639/2003 outorga obrigatoriedade do ensino da história e cultura afro-brasileira e africana na educação básica demanda um repensar das ações pedagógicas no espaço escolar e no currículo. Essa Lei a combate as sub-representações e os estereótipos vividos pela população negra ao longo da história brasileira. Sua efetivação na sala de aula exige formar um novo perfil de docentes e discentes a fim de que, no processo de reflexão sobre o “eu” e o “outro”, eles se apropriem de conhecimentos necessários para questionar a pedagogia excludente que ainda existe nas escolas. O presente trabalho tem por objetivo problematizar a possibilidade dos professores e das professoras trabalharem com o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana na educação escolar. Para verificar como a representação do “outro”, nesse caso o negro, se manifestam nas escolas realizamos uma pesquisa-ação participativa oferecendo um curso de extensão destinado aos docentes da rede estadual de educação do município de Maringá, PR e região. Verificamos que as reflexões realizadas no decorre do curso, levaram os docentes a problematizar os conceitos de raça, etnia, igualdade, diferença, cultura e conhecimento. As análises dos dados obtidos indicam que as discussões contribuíram para ampliar o conhecimento dos docentes sobre sua pratica pedagógica enquanto formadores de posicionamentos sociais, os professores e as professoras tiveram a oportunidade de repensar as suas subjetividades, posturas pessoais e os preconceitos historicamente assumidos. Concluímos que o curso possibilitou experimentar uma reflexão coletiva: para enfrentar aspectos conflitivos e tensões que se apresentam as relações etnico-raciais em sala de aula, evidenciamos a necessidade de uma formação docente que permitam os professore e professoras desconstruir concepções e visões estereotipadas dos africanos e negros brasileiros construídas ao longo da história.

Palavras-chave


Educação escolar; Formação Formação de professores e professoras; Relações etnico-raciais;

Texto completo:

PDF


Direitos autorais