Obstáculos epistemológicos, obstáculos didáticos e o conhecimento matemático nos cursos de formação de professores das séries iniciais do ensino fundamental

Maristela Gonçalves Gomes

Resumo


Este artigo tem por objetivo refletir a formação matemática de futuros professores
das séries iniciais do ensino fundamental, uma vez que a aprendizagem
matemática ainda se constitui em um grande problema, tanto para crianças
quanto para os professores que estão sendo formados nos cursos de Pedagogia, o
que favorece a criação de sujeitos fóbicos e analfabetos matematicamente. A
crença na idéia de uma matemática dogmática apresentada pela maioria dos
alunos do curso de Pedagogia, acaba se constituindo num obstáculo
epistemológico e este, por sua vez, estimula o surgimento de um outro obstáculo:
o didático. Como conseqüência, o próprio professor pode tornar-se um obstáculo
na formação matemática de seus alunos, como pudemos identificar em nosso
estudo empírico relatado no decorrer deste artigo. Assim, buscamos identificar
os obstáculos epistemológicos e didáticos encontrados em futuros professores, bem como as suas raízes. Em seguida, apresentamos algumas idéias que poderão
estar presentes em processos de formação inicial e continuada de professores, na
tentativa de melhorar a formação destes, no que se refere à matemática. Idéias
essas fundamentadas em trabalhos que apresentaram resultados significativos.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais