“QUE POBREZA?!” EDUCAÇÃO E TECNOLOGIAS: LEITURAS

Raquel Goulart Barreto

Resumo


Este texto discute os modos pelos quais as tecnologias da informação e da comunicação (TIC) têm sido recontextualizadas nas políticas e nas práticas educacionais, especialmente no que se refere aos “pobres” nos países periféricos. Através de uma análise crítica de discurso, visa a captar as relações dialéticas entre a dimensão simbólica e a material, mediadas pela imaginária. Inclui, também, pistas para redimensionar a leitura e outras práticas de linguagem desenvolvidas nas salas de aula, no sentido de superar a perspectiva hegemônica da substituição tecnológica.

Palavras-chave


Tecnologias; discurso pedagógico; políticas e práticas.

Texto completo:

PDF