INTERDISCIPLINARIDADE: SIGNIFICANDO O TRABALHO ESCOLAR EM CONTEXTOS METROPOLITANOS

Julio Gomes Almeida

Resumo


Este estudo discute a contribuição do movimento interdisciplinar para a formação continuada dos educadores com vistas à construção de significado para o trabalho docente em contextos organizacionais complexos como os contextos metropolitanos. Questiona um modelo de escola que se organiza a partir de demandas externas aos estudantes e propõe uma educação que considere as dimensões objetiva e subjetiva do trabalho e do estudo, como forma de construção de significado para o trabalho por parte do professor e para o estudo por parte do aluno. Além de considerar essas dimensões do trabalho e do estudo, a escola precisa ampliar seu esforço de formação para além dos professores, de modo que atinja a todos os trabalhadores da unidade e ampliar seu currículo para além dos próprios muros de modo que abrace as demandas do território. O movimento interdisciplinar vem contribuindo bastante para a humanização das relações que se estabelecem no cotidiano da escola e tem promovido inclusão de outros sujeitos e espaços, além daqueles tradicionalmente envolvidos, no processo educativo.

Palavras-chave


Interdisciplinaridade, educação, metrópole,

Texto completo:

PDF


Direitos autorais