AS COMPETÊNCIAS E O MUNDO DO TRABALHO

Maria Cristina Rath Bonazina

Resumo


O objetivo deste artigo é contextualizar a temática da competência no mundo do trabalho. Para tanto, apresentamos diferentes conceitos utilizados nas matrizes curriculares que nos permitem promover uma discussão sobre este tema numa dimensão interdisciplinar. Partimos do pressuposto de que a palavra competência vem do latim competentia Aurélio (1998). Sendo também como a qualidade de quem é capaz de apreciar e resolver certo assunto, fazer determinada coisa, capacidade, habilidade, aptidão, idoneidade. Este conceito nos remete a idéia de que ao falarmos de competência estamos falando de uma dimensão individual, de uma dimensão social e das relações que se estabelecem entre os sujeitos - indivíduos envolvidos nas ações do cotidiano - tanto num plano pessoal como no profissional. A dimensão histórica das questões do trabalho e suas implicações para o estudo das competências assinalam os diferentes movimentos que marcaram as novas necessidades de estruturação - distribuição e organização – do trabalho. Apresentamos a noção de sujeito que norteia as discussões e, num segundo momento, focalizamos as dimensões psicológicas das competências e suas implicações para a atuação do pedagogo no contexto organizacional.

Palavras-chave


Competências; Dimensões psicológicas; Relações de trabalho

Texto completo:

PDF


Direitos autorais