A tecnologia educacional face à evolução das correntes educacionais: as contribuições da psicologia cognitiva

Dilmeire Sant’Anna Ramos Vosgerau

Resumo


Este artigo apresenta um estudo bibliográfico sobre as contribuições da psicologia cognitiva para o desenvolvimento da tecnologia educacional ou instructional design, como é designado este termo em língua inglesa, ou ainda designe pédagogique, sua designação na língua francesa. Esse estudo tem sua origem em uma pesquisa doutoral em contexto norte-americano, na qual um dos objetivos comportava a análise do desenvolvimento das tecnologias educacionais e sua influência na concepção de ambientes de aprendizagem para formação de professores, considerando que este campo teve sua origem em pesquisas desenvolvidas por psicólogos behavioristas e atualmente as pesquisas sobre propostas de formação de professores em contexto norte-americano caminham em direção a uma proposta socioconstrutivista. Como discorremos no artigo, tem sido um grande desafio aos planejados dos ambientes de ensino-aprendizagem dar conta das propostas da psicologia cognitiva e fazer com que a tecnologia educacional acompanhe este desenvolvimento.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais