Da educação problematizadora para a educação matemática crítica

Cirlei Marieta de Sena Corrêa, Méricles Thadeu Moretti

Resumo


Nossos estudos têm permitido defender a tese de que discussões sobre educação matemática crítica (EMC) são alicerçadas por elementos teóricos presentes na concepção problematizadora da educação, de Paulo Freire. Assim sendo, este artigo tem o objetivo de tecer considerações sobre esta. Organiza-se de forma a estabelecer o diálogo entre o pensamento do autor nos contextos da alfabetização, da pedagogia do oprimido e do ensino de ciências. Finalmente, realiza discussões sobre como ensinar matemática de forma que este ensino permita o desenvolvimento de uma visão crítica à luz de autores como Skovsmose e D’Ambrósio.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais