A utilização de jogos educativos como instrumento de educação ambiental: o caso Reserva Ecológica de Gurjaú (PE)

Danielle Mesquita da Costa Silva, Margareth Grillo

Resumo


Entre os fatores que contribuem para os problemas ambientais enfrentados nos últimos tempos, pode-se destacar a ação antrópica, atuando de forma negativa no ambiente natural. Diante desse fato, faz-se necessário a criação de estratégias para minimizá-la, como a educação ambiental, visando à formação de cidadãos preocupados com a natureza, partindo do princípio de que é preciso conhecer para preservar. Entre as diversas ferramentas que podem ser utilizadas, existem os jogos educativos, destinados principalmente a crianças, para que cresçam atentas à preservação do meio ambiente. A Reserva Ecológica (Resec) de Gurjaú, localizada na divisa dos municípios de Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho e Moreno no Estado de Pernambuco, sofre prejuízos ambientais, sendo extremamente necessária a conscientização dos moradores do entorno que vêm desmatando o local para fi ns agrícolas. Por isso, esta proposta aborda a importância dos jogos educativos na tarefa de conscientização das crianças que visitam a Resec, bem como as que residem e estudam em escolas localizadas no entorno do local, tornando-se ambientalmente corretas e estimulando suas famílias a não desmatar a Reserva.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais