A (I)LEGITIMIDADE DE ATUAÇÃO DOS GOVERNOS ESTADUAIS E MUNICIPAIS PARA O COMBATE AO COVID-19

Gabriel Dil, Mirelle Gallas

Resumo


A pandemia mundial da Covid-19 colocou o Brasil em estado de emergência, exigindo a tomada de decisões rápidas e extremas pelo poder executivo, nos vários níveis da federação. Em que pese as inúmeras medidas tomadas tenham respaldo da Organização Mundial da Saúde, passou-se a perceber uma guerra política que levou a discussão quanto à legitimidade da atuação dos entes federados. Analisa-se, portanto, a competência dos entes federados para a tomada de decisões que visem a proteção ao direito à saúde, o que foi objeto de recente decisão na Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 6.341, proposta pelo Partido Democrático Trabalhista, perante o Supremo Tribunal Federal.


Palavras-chave


entes federados, competência, direito à saúde, pandemia

Texto completo:

PDF

Referências


BARACHO, José Alfredo de Oliveira. O princípio da subsidiariedade: conceito e evolução. Rio de Janeiro: Forense, 2003.

Bolsonaro volta a minimizar crise de coronavírus: “Alarmismo da mídia”. Carta Capital, 22 de mar. de 2020. Disponível em: https://www.cartacapital.com.br/saude/bolsonaro-volta-a-minimizar-crise-de-coronavirus-alarmismo-da-midia/. Acesso em: 17 abr. 2020.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil promulgada em 05 de outubro de 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/ConstituicaoCompilado.htm. Acesso em: 20 abr. 2020.

BRASIL. Decreto-lei nº 13.979, de 06 de fevereiro de 2020. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/lei/L13979compilado.htm. Acesso em: 20 abr. 2020.

BRASIL. Medida Provisória nº 926, de 20 de março de 2020. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Poder Executivo, Brasília, DF. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/Mpv/mpv926.htm. Acesso em: 20. abr. 2020.

BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 6.341. Ajuizado pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) em face da Medida Provisória nº 926 de 20 de março de 2020. Relator: ministro Marco Aurélio Mello. Brasília-DF. Disponível em: http://redir.stf.jus.br/estfvisualizadorpub/jsp/consultarprocessoeletronico/ConsultarProcessoEletronico.jsf?seqobjetoincidente=5880765. Acesso em: 20 abr. 2020.

BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Medida Cautelar na Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 6.341. SAÚDE – CRISE – CORONAVÍRUS – MEDIDA PROVISÓRIA – PROVIDÊNCIAS – LEGITIMAÇÃO CONCORRENTE. Surgem atendidos os requisitos de urgência e necessidade, no que medida provisória dispõe sobre providências no campo da saúde pública nacional, sem prejuízo da legitimação concorrente dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. p. 05. Disponível em: http://redir.stf.jus.br/paginadorpub/paginador.jsp?docTP=TP&docID=752333455&prcID=5880765&ad=s#. Acesso em: 20 abr. 2020.

Coronavírus: como é Wuhan, a cidade chinesa onde surgiu a epidemia de coronavírus e que foi isolada. BBC G1. São Paulo/SP, 23 de jan. de 2020. Disponível em: https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2020/01/23/coronavirus-como-e-wuhan-a-cidade-chinesa-onde-surgiu-a-epidemia-de-coronavirus-e-que-foi-isolada.ghtml. Acesso em: 15 abr. 2020.

CORRALO, Giovani da Silva. Dimensões do poder: as federações e os direitos fundamentais. Justiça do Direito, Passo Fundo , 2011 v. 25 n. 2 Disponível em: Acesso em: 31 mar. 2020.

______, Giovani da Silva. O poder municipal na federação brasileira: reflexão sobre a autonomia municipal e o federalismo. História : Debates e Tendências, Passo Fundo , v. 15 n. 1, 2015. Disponível em: . Acesso em 31 mar. 2020.

Governador do Maranhão dribla Governo Federal e compra máscaras da China. Correio Braziliense. Brasília/DF, 16 de abr. de 2020. Disponível em: https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/brasil/2020/04/16/interna-brasil,845230/governador-do-maranhao-dribla-governo-federal-e-compra-mascaras-da-chi.shtml. Acesso em: 22 abr. 2020.

GÜELL, Oriol. OMS declara alerta internacional diante da expansão incontrolável do coronavírus. El País, Barcelona, Espanha, 30 de jan. de 2020. Disponível em: https://brasil.elpais.com/sociedade/2020-01-30/oms-declara-alerta-internacional-diante-da-expansao-incontrolavel-do-coronavirus.html. Acesso em: 23 abr. 2020.

MOREIRA NETO, Diogo de Figueiredo. Curso de Direito Administrativo. 16. ed. Rio de janeiro: Forense, 2014.

O que é a OMS? Organização Pan-Americana da Saúde. Universidade de São Paulo – USP. Biblioteca Virtual de Direitos Humanos. Disponível em: http://www.direitoshumanos.usp.br/index.php/OMS-Organiza%C3%A7%C3%A3o-Mundial-da-Sa%C3%BAde/o-que-e-a-oms.html. Acesso em: 10 abr. 2020.

OHANA, Victor. Bolsonaro debocha de epidemia do coronavírus no Brasil: “Gripezinha”. Carta Capital, 20 de mar. de 2020. Disponível em: https://www.cartacapital.com.br/politica/bolsonaro-debocha-de-epidemia-do-coronavirus-no-brasil-gripezinha/. Acesso em: 15 abr. 2020.

OLIVEIRA, Marcelo; SABÓIA, Gabriel. Quarentena em São Paulo e no Rio: O que você pode e o que não pode fazer. UOL, São Paulo/SP, 25 de mar. de 2020. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2020/03/25/quarentena-em-sao-paulo-o-que-voce-pode-e-o-que-nao-pode-fazer.htm. Acesso em: 22 abr. 2020.

PASSO FUNDO (Município). Decreto nº 32, de 19 de março de 2020, Prefeitura de Passo Fundo, Passo Fundo/RS. Disponível em: http://www.pmpf.rs.gov.br/servicos/geral/multimidia/decreto_32_2020_coronavirus_20032020.pdf. Acesso em: 22 abr. 2020.

PILAU SOBRINHO, Liton Lanes. A comunicação e o direito à saúde. Tese doutorado em direito. São Leopoldo: Universidade do Vale dos Sinos, 2007. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/download/teste/arqs/cp072014.pdf. Acesso em: 02 abr.2020.

_______, Liton Lanes. Direito à saúde: uma perspectiva constitucionalista. Passo Fundo: UPF, 2003. In: ALVES, Paulo Roberto Ramos; PILAU SOBRINHO, Liton Lanes; MORANDINI, Jaqueline. Do constitucionalismo sanitário ao Estatuto do Idoso: o direito à saúde como aquisição evolutiva e suas formas de efetivação = Of the sanitary constitutionalism of the Elderly Statute: the right to the health as evolutionary acquisition and their effectuate forms. Revista Brasileira de Ciências do Envelhecimento Humano, Passo Fundo , v.5, n.2, p. 141-149, jul./dez. 2008. Disponível em: . Acesso em: 02 Abr. 2020.

PROUDHON, P.-J. Do princípio federativo e a necessidade de reconstruir o partido da revolução. Lisboa: Colibri, 1996.Tradução: Francisco Trindade.

REALE, Miguel. Virtudes e riscos do federalismo. In: Política e direito. São Paulo: Saraiva, 2006. p. 18-19. Disponível em: . Acesso em: 31 mar. 2020.

REZENDE, JM DE. EPIDEMIA, ENDEMIA, PANDEMIA, EPIDEMIOLOGIA. Revista de Patologia Tropical / Revista de Patologia Tropical , v. 27, n. 1, 11. p. 153-155.

RIO GRANDE DO SUL (Estado). Decreto nº 55.154, de 1º de abril de 2020, Palácio Piratini, Porto Alegre/RS. Disponível em: https://estado.rs.gov.br/upload/arquivos//decreto-55-154-01abr2020.pdf. Acesso em: 22 abr. 2020.

ROSANVALLON, Pierre. La legitimidad democrática: Imparcialidad, reflexividad y proximidad. Editora: Ediciones Paidós, 18 de mar. de 2010. 290p.

SARLET, Ingo Wolfgang; MARINONI, Luiz Guilherme; MITIDIERO, Daniel. Curso de direito constitucional. 7. ed. São Paulo: Saraiva Educação, 2018.

SILVA, José Afonso da. Curso de direito constitucional positivo. 39. ed. São Paulo: Malheiros, 2016.

SIMÕES, Carlos. Curso de direito de serviço social. 2.ed. São Paulo: Cortez, 2008.

STF reconhece competência concorrente de estados, DF, municípios e União no combate à Covid-19. Imprensa do STF. Brasília/DF. Disponível em: http://portal.stf.jus.br/noticias/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=441447&ori=1. Acesso em: 20 abr. 2020.

TORRES, Silvia Faber. O princípio da subsidiariedade no direito público contemporâneo. Rio de Janeiro: Renovar, 2001.

ZIMMERMANN, Augusto. Teoria geral do federalismo democrático. 2. ed. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2005.




DOI: https://doi.org/10.14210/rdp.v15n2.p638-659

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Eletrônica Direito e Política