A “CRISE FINANCEIRA”, A SUSTENTABILIDADE E O CAPITALISMO DEMOCRÁTICO

Patrícia Elias Vieira, Newton Cesar Pilau

Resumo


O presente estudo tem por objeto o devir da sustentabilidade como paradigma da Pós-Modernidade na superação da “crise financeira” através da democratização do capitalismo. Foi acionada a pesquisa pelo método indutivo. E, inicia-se da introdução do tema seguida de considerações sobre a análise da sustentabilidade como paradigma da pós-modernidade, a seguir trata-se da “cultura-mundo” e a “crise” da Modernidade e, para terminar aborda-se a “crise” financeira: do neoliberalismo global ao capitalismo democrático global, seguindo-se com as considerações finais da autora da pesquisa. 


Palavras-chave


Sustentabilidade; “Cultura-Mundo”; Capitalismo Democrático Global.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/rdp.v9n1.p608-633

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais