A COEXISTÊNCIA DE TERRITÓRIOS DAS POPULAÇÕES TRADICIONAIS E A PROTEÇÃO DA DIVERSIDADE BIOLÓGICA

Ricardo Stanziola Vieira, Kátia Carolino, Renata Mello Cherchiari

Resumo


O presente artigo visa discutir, no âmbito do direito e no universo da conservação da biodiversidade, a temática das populações tradicionais, mostrando os documentos legais, tanto no âmbito internacional quanto nacional, e sua insuficiência; o sentido dado à preservação e à conservação do meio ambiente; o progresso na área ambiental e a resistência ou o retrocesso na área social, apontando para a necessidade de se pensar em novos territórios de conservação.


Palavras-chave


Comunidades tradicionais; Sistema Nacional de Unidades de Conservação; Política Nacional das Populações e Comunidades Tradicionais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/rdp.v5n1.p356-379

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais