A SOLIDARIEDADE SOCIAL COMO INSTRUMENTO PARA SUPERAÇÃO DA CRISE DA DEMOCRACIA REPRESENTATIVA

Amanda de Moraes Weidlich, Paulo Henrique Schneider

Resumo


A democracia representativa moderna passa por um momento de intensa crise, resultado das limitações do modelo de representação, do descrédito das instituições democráticas e do recrudescimento do individualismo exacerbado. Dessa forma, empregando-se o método hipotético dedutivo, a partir de um breve apanhado histórico e da identificação e análise dos elementos que levaram a essa crise, sugere-se a valorização da ideia de solidarismo social como meio de possível superação dos conflitos democráticos, a partir do estabelecimento de um novo paradigma ético à democracia, fundado no resgate do sentimento de solidariedade e na constatação da interdependência entre os cidadãos.


Palavras-chave


Democracia representativa; Crise; Solidariedade; Superação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14210/rdp.v10n4.p2233-2255

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista Direito e Política