“Quem cuida de nós?”: jornal-laboratório como mídia local contra-hegemônica

Marco Túlio Pena Câmara, Claudio Lessa

Resumo


O rompimento da barragem da empresa Samarco (Vale/BHP) causou a destruição do subdistrito de Bento Rodrigues, pertencente à Mariana. Veículos midiáticos de todo o país pautavam o maior desastre socioambiental do Brasil. Na cidade, destaque para a cobertura dos produtos laboratoriais do curso de Jornalismo da UFOP, com angulações locais e abordagens que se diferenciaram da grande mídia. Este artigo busca analisar a cobertura feita pelo jornal-laboratório Lampião, como mídia local contra-hegemônica. Para tanto, buscamos o conceito de jornalismo local (CAMPONEZ, 2002) e a prática laboratorial (MIRANDA E MILATI, 2013). Percebemos que a abordagem local deu maior ênfase às pessoas atingidas e demonstrou preocupação maior com assuntos que afetavam diretamente na vida dos moradores.


Palavras-chave


Jornalismo local; Jornal-Laboratório; Mídia contra-hegemônica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14210/vd.v17n01.p%25p