#DeleteFacebook: Estudo de caso sobre a dinâmica do uso da hashtag no Twitter

Juliana Alcantara

Resumo


O trabalho analisa a dinâmica da hashtag #DeleteFacebook no Twitter, que alcançou o ranking dos tópicos mais comentados em março de 2018. A etiqueta online surgiu em meio à polémica sobre proteção de dados, quando houve midiatização sobre vazamento de informações envolvendo a empresa de marketing político Cambridge Analytica. O objetivo do estudo é encontrar as principais causas para o desempenho da etiqueta online. A abordagem metodológica é quantitativa e privilegia o método hipotético-indutivo. Consideram-se as possibilidades de que ou influenciadores digitais, ou a mídia tradicional, ou o movimento social tenha sido responsável por condicionar a opinião pública. Os resultados mostram que poucas postagens foram suficientes para um alto alcance da hashtag. A mensagem de maior engajamento é do criador do Whatsapp, Brian Acton, que sensibilizou as audiências ao mesmo tempo que perfis oficias da imprensa norte-americana endossaram o afastamento dos usuários do Facebook. 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/vd.v18n01.p61-74