A propaganda política na construção do imaginário coletivo no cinema de resistência: Estudo de caso do filme Jango, de Silvio Tendler

Rose Vidal

Resumo


Este estudo tem como objetivo propor uma análise do modo como se constrói a representaçãoda imagem eleitoral de João Goulart, sob a ótica da propaganda políticano cinema brasileiro no período pós-ditadura. Para a realização desse objetivo contamoscom o longa-metragem de Silvio Tendler de 1984, intitulado “Jango”. Cremosque este estudo se justifica por contribuir para identificar, compreender e mapear oimaginário da sociedade brasileira sobre João Goulart. Para o desenvolvimento dotema foram analisadas teorias de marketing político, propaganda ideológica e persuasão.A pesquisa foi norteada pelo método qualitativo e aplicadas as técnicas de pesquisahistórica e estudo de caso. Concluímos que o Filme de Silvio Tendler reconstruiua imagem de João Goulart ressaltando seu papel na luta pelas reformas de base.A mistificação de Jango foi exposta no documentário expositivo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14210/vd.v10n1.p%25p